História da Cuca

cuca
A Cuca é um dos mais marcantes seres do folclore brasileiro.

 

A Cuca é um dos seres fantásticos mais famosos do folclore brasileiro. Conhecida por ser uma maligna feiticeira com cabeça de jacaré que rapta crianças, esta emblemática figura ficou bastante conhecida no Brasil a partir do livro “O Saci” (1921), de Monteiro Lobato.

Segundo a lenda, a Cuca seria uma bruxa com garras nos dedos como os gaviões, audição muito apurada, responsável por raptar crianças desobedientes, especialmente aquelas que não dormem na hora certa. O conto folclórico acabou se transformando em uma forma tradicional de os pais amedrontarem os filhos e os fazerem dormir na hora apropriada.

Acredita-se que a história da Cuca tenha surgido bem antes, em Portugal, e tenha sido introduzida no Brasil durante o período da colonização. Segundo o folclore português, mais especificamente o da região de Minho (norte de Portugal), a Santa Coca seria um ser sobrenatural comedor de crianças desobedientes, uma espécie de bicho-papão.

A história da Cuca do Sítio do Pica-Pau Amarelo

a história da cuca

Originalmente, a figura da Cuca era a de uma feiticeira velha, enrugada e corcunda, no entanto foi a partir das adaptações para a TV da obra “Sítio do Picapau Amarelo”, de Monteiro Lobato, que temos hoje a imagem de um jacaré com cabelos loiros.

O Sítio do Pica-Pau Amarelo era transmitido originalmente na antiga TV Tupi. Devido ao sucesso, foi para a TV Cultura em 1964 e depois para a TV Bandeirantes em 1967. Em 1977, a Rede Globo de Televisão comprou os direitos autorais da série e a veiculou por dez anos. Outras versões já foram produzidas e ainda estão no canal, uma de 2001 e outra de 2012. A série tem várias histórias e se passa em uma fazenda. No interior moravam a matriarca e proprietária da fazenda Dona Benta, a tia da neta Nastácia e a boneca Emília de Narizinho. O outro neto de Dona Benta, Pedrinho, passava as férias lá. A Cuca, claro, era a maior vilã da história.

A história da Cuca de Cidade Invisível

cuca de cidade invisível
Em 5 de fevereiro de 2021, a série brasileira “Cidade Invisível” de Carlos Saldanha estreiou na Netflix. Na trama, Cuca é retratada de uma forma diferente da versão de Monteiro Lobato. Em Cidade Invisível, a personagem aparece como uma mulher que pode se transformar em borboleta, sendo capaz de entrar nos sonhos e mentes das pessoas.

Músicas sobre a Cuca

Diversas canções sobre a Cuca ficaram marcadas na cultura popular brasileira, principalmente entre o público infantil. Vejamos alguns exemplos:

“Nana, neném
Que a Cuca vem pegar
Papai foi na roça
Mamãe foi trabalhar

Bicho papão
Sai de cima do telhado
E deixa este menino
Dormir sossegado”.

“Cuidado com a Cuca que a Cuca te pega
E pega daqui e pega de lá
Cuidado com a Cuca que a Cuca te pega
E pega daqui e pega de lá

A Cuca á malvada e se fica irritada
A Cuca é zangada, cuidado com ela
A Cuca é matreira e se fica zangada
A Cuca é danada, cuidado com ela”.

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments