Governo Gaspar Dutra

Governo Gaspar Dutra
O Governo Gaspar Dutra foi marcado por um difícil momento da economia brasileira.

Em 1945, com o Estado Novo em crise mediante a crescente oposição vinda tanto das elites quanto da classe média urbana, Getúlio Vargas, após ter governado o Brasil por 15 anos, percebeu que medidas conciliatórias eram necessárias para tentar se manter no poder. Desta forma, novamente autorizou a formação dos partidos e concedeu anistia aos presos políticos, em uma tentativa de acalmar os ânimos dos insatisfeitos e colocá-los ao seu lado.

Entretanto, os militares não viam esta estratégia com bons olhos, pois tudo estava encaminhando para mais um mandato de Vargas. Assim, em 29 de outubro, os generais Góes Monteiro e Eurico Gaspar Dutra lideraram um golpe que finalmente terminou depôs o presidente.

Ainda no final de 1945 foram realizadas eleições que levaram à vitória de Gaspar Dutra e à criação de uma nova Constituição, a qual passaria a valer a partir do ano seguinte. A Carta previa a divisão dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, o fim da pena de morte e o voto secreto e universal para maiores de 18 anos, inclusive para mulheres.

O Governo Gaspar Dutra foi marcado por um difícil momento da economia brasileira, a qual sofria com o fortalecimento da indústria europeia ao final da Segunda Guerra Mundial. Se durante o conflito o Brasil aproveitou o momento de fragilidade da Europa para exportar mais, agora estava sofrendo com o aumento das importações de produtos europeus. Esse desequilíbrio resultou em um aumento considerável da dívida externa brasileira.

De fato, os problemas econômicos interferiam negativamente na vida da população, realidade que levou Gaspar Dutra a tentar amenizar a situação facilitando a importação de combustíveis, por exemplo, o que reduzia o preço final do produto. Além disso, idealizou o Plano Salte, um planejamento de investimentos nas áreas de saúde (S), alimentação (AL), transporte (T) e energia (E), plano este que logo foi abandonado.

Também é no governo Gaspar Dutra que vemos o alinhamento definitivo do Brasil aos Estados Unidos dentro do contexto da Guerra Fria após o rompimento das relações diplomáticas com a União Soviética. Uma consequência disso foi a proibição do PCB (Partido Comunista Brasileiro) e a cassação do senador Luís Carlos Prestes, importante figura do comunismo na época.

Gaspar Dutra governou o Brasil até o início de 1951, quando Getúlio Vargas voltou ao poder mais uma vez.

Saiba mais: Era VargasSegunda Guerra MundialGuerra Fria

Deixe um comentário

avatar